quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Maluco Beleza

Our Idiot Brother Poster

Deve existir no Brasil uma organização secreta, que se reúne todas as sextas-feiras para decidir qual título de filme será ridicularizado naquela semana. Tenho certeza de que estes homens (os imagino como homens gordos e velhos, com bigode, de calça social e suspensórios) passam horas tentando bolar nomes com palavras como “maluco”, “aventura”, “loucas”, “incríveis” ou “amor”. Aquele que reunir todas elas no mesmo título, ganha o prêmio Sessão da Tarde (seria algo como As Malucas Aventuras de um Incrível Amor Louco). Foi assim que Our Idiot Brother virou Maluco Beleza.

crazy-stupid-love-1Como é que esse filme não ganhou esse título, jamais saberemos

Dirigido e escrito por Jesse Peretz, Maluco Beleza nos apresenta Ned Rochlin (Paul Rudd), um homem desligado e ingênuo que é preso ao vender maconha para um policial fardado. Oito meses depois, ele volta para casa e descobre que sua namorada está com outro cara e que não só o despeja como também lhe tira o seu fiel companheiro, o golden retriever Willie Nelson. Sem ter para onde ir, Ned pede ajuda para suas três irmãs e acaba virando a vida delas de cabeça para baixo.

PaulRudd_WillieNelson

O filme é uma mistura de clichês com situações inusitadas, e poderia ser um filme esquecível se não fosse por seu elenco de primeira. As três irmãs, vividas por Elizabeth Banks, Zooey Deschanel e Emily Mortimer, são os estereótipos femininos comuns dos filmes. Miranda é a trabalhadora esnobe, Natalie é a liberal e Liz é a casada com filhos. Mas as três atrizes desempenham muito bem seus papéis, mesmo com a limitação do roteiro. Paul Rudd sempre fica bem na pele de homem com boas intenções e aqui não é uma exceção. Quem se destaca mais é Steve Coogan, que interpreta o marido de Liz, e Matthew Mindler, o filho do casal.

Our_Idiot_Brother_09

Maluco Beleza fala sobre como às vezes levamos uma vida que não gostamos apenas por estarmos acostumados com ela e que é preciso um empurrão para conseguirmos a nossa felicidade. Não é exatamente um filme bom, mas vale pelas atuações.

Our_Idiot_Brother_21

Our Idiot Brother (2011)
Direção: Jesse Peretz
Roteiro: Evgenia Peretz, David Schisgall
Elenco: Paul Rudd, Elizabeth Banks, Zooey Deschanel, Adam Scott, Rashida Jones, Emily Mortimer, Steve Coogan, Kathryn Hahn, T.J. Miller, Shirley Knight

2 comentários:

Thiago Guedes disse...

talvez eu não dê o crédito merecido para a Zooey Deschanel pelo simples fato de ela ser um ícone dos pseudo cults. Adoro ela, mas isso me faz prestar atenção em outros personagens e achar aquelas "belezas raras" das atuações. É o caso da Emily Mortimer, acho ela tão doce. Apesar de seu jeito meigo, ela consegue encarnar personagens fortes e segura as pontas nos trabalhos que faz. Querido Frankie é um bom exemplo disso e A Garota Ideal é um de meus filmes preferidos com ela ( se bem que em garota Ideal, todo o elenco consegue manter o filme de pé!).

Eu imagino muito esses gordos, de suspensórios, conversando sobre isso! Imagino eles numa sala pequena, se roçando uns aos outros para poderem se sentar. Algo parecido com a reunião dos militares e ciêntistas no filme "O Ataque dos Tomates Assassinos" só que eles tendo a aparência de Vógons.

Quero olhar esse filme, de qualquer forma XD!

Paloma Rodrigues disse...

Garota Ideal é lindo mesmo. Eu só não gosto dela em Match Point, mas acho que é porque a personagem é bem sem sal mesmo. Nesse filme aqui ela é a melhor.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...