sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Dylan Dog e as Criaturas da Noite

PKAPKSPKAS

“If they follow you, don't look back! Like Dylan in the movies, on your own. If they follow you, it's not your money that they're after, boy… It's you.” - Belle & Sebastian

Judas Dançarino! Estreou o filme oficial deste blog! Dylan Dog, o detetive do pesadelo, é um personagem da história em quadrinho publicada pela Sergio Bonelli Editore e criada por Tiziano Sclavi, em 1986. Sua aparência foi criada por Claudio Villa, que se baseou no ator Rupert Everett no filme Memórias de um Espião (1984). Rupert Everett, por sua vez, é o protagonista daquele que é considerado a verdadeira adaptação de Dylan Dog, Dellamorte Dellamore (1994), que na realidade é uma adaptação de um livro de 1991, escrito por ninguém menos do que o próprio Tiziano Sclavi.

DellamorteDellamore dylan-dog-1

Dylan Dog é a história de um detetive especializado em casos sobrenaturais. Ele conta com a ajuda de seu fiel e louco assistente, Groucho (aparência e personalidade baseadas em Groucho Marx) e do Inspetor da Scotland Yard, Bloch.

dylan1

Seu principal inimigo é Dr. Xabaras, um cientista obsecado pela imortalidade que acordou os mortos, transformando-os em zumbis. Dylan descobre que Xabaras é a metade negra de seu pai, que se dividiu em dois quando testou o soro da imortalidade nele mesmo. Dylan nasceu em 1686, mas foi transportado 300 anos no futuro pelo demônio de quem o pai tirou o tal soro. Quando Xabaras tenta salvar Dylan, também é enviado para o futuro. Essa história daria um ótimo filme!

Sabe o que não dá um grande filme? Dylan Dog e as Criaturas da Noite, dirigido por Kevin Munroe. Não é nem ao menos um bom filme. Ou um filme regular. Nem ao menos tenho certeza de que é um filme de verdade. Os erros são tantos que eu teria que escrever um ensaio de oitenta páginas para poder percorrer por todos eles com detalhes. A começar pela escolha de elenco, que nunca na história do cinema foi tão descabida. Brandon Routh deve ser um dos piores atores da atualidade (e muitos poderiam dizer que esse é o motivo pelo qual ele interpreta o Super-Homem) e nesse filme ele parece mais morto do que todos os zumbis. As falas e narração são cafonas, as situações são absurdas, o plot não faz sentido, o sub-plot dos zumbis é chato e tedioso, o ajudante (Marcus, interpretado por Sam Huntington) é irritante, a mocinha é sem graça, e Dylan Dog não faz absolutamente nada o filme todo. Ah, e balas de madeira? Sério?

Dylan Dog03

A personalidade de Dylan, que no original é gentil e sarcástica, com um humor ácido, no filme se transformou em algo tirado de um noir mal feito, sem orçamento nenhum. Ele é groceiro e apático, e apenas reage aos acontecimentos. E, em nenhum momento, ele tenta transar com a mocinha que acabou de ver o pai sendo assassinado por um monstro.

DylanE la morte mi eccita…

Com exceção da roupa preta e vermelha, do fusca, do cartão e da profissão, Dylan Dog e as Criaturas da Noite ignora todos os detalhes famosos da HQ, tudo aquilo que deixa a história interessante. Bloch e Xabaras nunca são citados, a campainha do grito não existe, e Groucho foi reduzido a uma foto e um cartaz de Diabo a Quatro (1933). Não sei exatamente porque ele não aparece no filme, provavelmente é por causa de direitos autorais, mas a ausência dele faz com que o filme pareça vazio.

tumblr_lq2w2u2jKR1r04itco1_500

Dylan Dog tem um enredo muito rico, com 24 anos de histórias que poderiam se tornar ótimos filmes, originais e ousados. Os principais elementos desta HQ são as personagens carismáticas e malucas, os casos non sense e as referências a clássicos do cinema. Nada disso é mostrado em sua adaptação.  Imagino como seria fantástico um filme baseado em Golconda!, com demônios vestidos de terno e chapéu coco, com tentáculos saindo de seus cérebros, uma linha telefônica que conecta diretamente com o inferno, e um olho gigante andando de bicicleta. Golconda! daria um ótimo filme, cheio de situações apavorantes, mesclando com coisas engraçadas e às vezes sem sentido. Mas ao invés de um filme original, o resultado foi uma história batida de “policial aposentado que volta ao combate” e que tem de “aprender lidar com o trauma de perder a mulher que amava”. Por que não contrataram o Bruce Willis, então?

Existem no filme elementos que me lembram bastante dos quadrinhos, como a loja de pedaços de corpos para zumbis, mas são tão mal aproveitados que acabam perdendo a graça. Normalmente, quando vejo uma adaptação péssima de algo que gosto muito, me sinto ofendida e me dobro em posição fetal, com um pouco de gosto de vômito na garganta.

Mas neste caso, só fico triste por saber que muita gente não vai se interessar pelos quadrinhos por conta do filme. Apesar do sucesso na Itália (a revista chega a vender cerca de um milhão de exemplares por mês), aqui no Brasil a série foi cancelada em 2006, devido ao alto valor das revistas, que eram impressas em um papel de péssima qualidade. Tinha esperanças de que o filme fizesse sucesso e isso trouxesse Dylan Dog de volta ao Brasil, mas fica claro que isso não irá acontecer. O filme estreou semana passada aqui e já não está mais em cartaz.

A impressão que este filme passa é a de um trabalho feito por estudantes de colégio, que gostam um monte dos quadrinhos e que pegaram a câmera do pai para gravar um filme para os amigos. Estudantes de colégio pago. Com pais bem ricos. Dá para notar a boa intenção por baixo de toda a falta de talento.

1dylan-dog-19

Dylan Dog: Dead of Night (2010)
Direção: Kevin Munroe
Roteiro: Thomas Dean Donnelly, Joshua Oppenheimer, baseado em uma história em quadrinhos de Tiziano Sclavi
Elenco: Brandon Routh, Peter Stormare, Sam Huntington, Taye Diggs, Anita Briem

2 comentários:

Juliano Moreira disse...

Eu lamento.
É um quadrinho com baita de um potencial pra filme. Ele todos os elementos: o ajudante nonsense, temáticas fantásticas, o detetive confiante...

Imagina que maravilha se tivessem filmado o princípio do personagem? Isso sim seria divertido de ver. =D

Paloma disse...

Eu ia comentar o teu comentário, mas vou adicionar o que ia dizer ao texto.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...