quarta-feira, 14 de julho de 2010

Shrek Para Sempre

Shrek-para-Sempre-Poster-by-MiStEr_QuIm

Shrek é a palavra em iídiche para “monstro”. Também é o título de uma das mais rentáveis séries de filmes de todos os tempos. O primeiro filme da série, Shrek (2001), foi a primeira animação da história do cinema a ganhar o Oscar de Melhor Animação. Sua quarta continuação, Shrek Para Sempre, chega aos cinemas brasileiros já tendo arrecadado mais de 134 milhões de bilheteria.

Os filmes são uma sátira às avessas dos contos de fadas, onde o herói é um ogro feio e grosseiro, a princesa é uma hábil lutadora e o cavalo branco é um burro espirituoso. Na quarta parte, vemos o ogro Shrek casado com a princesa e entediado com a vida matrimonial. Sentindo falta da época em que era temido por todos, ele pede auxilio ao duende Rumplestiltskin para que possa ser um ogro de verdade por apenas um dia. Mas o duende o engana, e Shrek é transportado para uma realidade paralela, onde ogros são caçados e seus amigos não o conhecem.

O filme é o primeiro da franquia a ser feito em 3D e foi dirigido por Mike Mitchell. O elenco continua o mesmo dos filmes anteriores, com Mike Myers (Shrek), Eddie Murphy (o Burro), Cameron Diaz (Princesa Fiona) e Antonio Banderas (Gato de Botas). Já o novo personagem Rumplestiltskin é interpretado pelo roteirista Walt Dohrn. Enquanto o storyboard era feito, Dohrn gravava as vozes de todos os personagens e acabou ganhando o papel do duende porque ninguém o interpretou tão bem quanto ele.

Shrek Terceiro (2007) foi o filme mais fraco da saga, tirando a fé de muita gente quanto ao novo longa. Apesar disso, Shrek Para Sempre é um bom filme, não melhor do que o primeiro, mas infinitamente melhor do que o terceiro. As piadas são mais engraçadas (é impossível não rir de frases como “Faz o urro!” ou “Cueeeca!!!”) e os personagens se renovam (já que vivem em um mundo paralelo). O 3D também é justificável, trazendo uma cara nova aos filmes.

Shrek Para Sempre promete ser o último da franquia e essa é uma decisão sábia... Melhor parar antes de arruinar de vez algo que já está quase perdendo o fôlego.

shrek4_01_thumb[3]
Shrek Forever After (2010)
Direção: Mike Mitchell
Roteiro: Josh Klausner, Darren Lemke
Elenco: Mike Myers, Eddie Murphy, Cameron Diaz, Antonio Banderas, Julie Andrews, John Cleese, Walt Dohrn

7 comentários:

Pri Zorzi disse...

Vi o trailer desse hoje quando vi o Toy e o 3D pareceu bem utilizado... Mas te confesso que fico com medo de ver no cinema e não valer a grana. Os dois primeiros Shrek pra mim são excelentes, mas o terceiro ficou beeeem abaixo. Aí fiquei com medo desse =P

Ah, e Shrek dublado não tem como =P

Juliano Moreira disse...

Também tinha receio. O terceiro é muito podre mesmo.
Mas vale a pena ver o quarto. O "faz um urro", pelo menos dublado, ficou bem engraçado.
A história é divertido como antigamente mesmo.
Deu pra rir bastante na sala.

Veja, veja!

Pri Zorzi disse...

Vocês viram dublado? Eu tenho pavor da dublagem brasileira do Shrek, não estraga muito?

Paloma disse...

Sim, a gente viu dublado porque a Oli foi junto. Mas eu gosto da dublagem brasileira, então não tive problemas. Pior foi ver Ponyo dublado :-P

Leli disse...

hehehe
eu não to com nenhum pouco de vontade de ver, pra mim Shrek já deu =P





A não ser que tenha o Justin de novo AHAHAHAHA
brinks

Bruno disse...

não é "faz um urro"
é "Faz Ogro"

e realmente é impossível não rir nessa hora

Paloma disse...

É "Faz o urro": http://www.youtube.com/watch?v=4QQ-2DaDXxE

8-)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...