terça-feira, 15 de junho de 2010

Harvie Krumpet

Mary e Max é um dos melhores filmes que já assisti. Gostei tanto que decidi pesquisar mais sobre o trabalho de seu criador, Adam Elliot, e acabei encontrando quatro curtas metragens no Youtube, todos muito bons. Os três primeiros são uma espécie de trilogia. Em Uncle (1996), Cousin (1998) e Brother (1999) temos um trabalho mais imaturo de Elliot, mas podemos encontrar o ar triste de sua obra atual.

Mas o que mais me chamou atenção foi Harvie Krumpet, um curta de 2003 que venceu do Oscar de Melhor Curta de Animação. É a biografia de um homem bizarro chamado Harvie Krumpet, que nasceu com Síndrome de Tourette e teve uma infância triste e solitária. Possui o mesmo tom tragicômico, repleto de melancolia, de Mary e Max e é bem melhor produzido do que seus antecessores.

Uma história muito bonita, narrada com muita delicadeza por Geoffrey Rush (Contos Proibidos do Marquês de Sade) e escrita, dirigida e animada pelo próprio Elliot. Adam Elliot é um verdadeiro artista e seu trabalho é uma obra prima.

Assista ao filme na íntegra:

Harvie Krumpet (2003)
Direção: Adam Elliot
Roteiro: Adam Elliot
Elenco: Geoffrey Rush

Um comentário:

Juliano Moreira disse...

E tomara que venham muitos pela frente como esse.
Mary e Max foi um dos melhores do ano!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...